Saiba tudo sobre Comunicação Organizacional: o que é, estratégias, desafios e mais

Por Adrielly Marcelino

A Comunicação Organizacional possui grande importância para o desenvolvimento e a sobrevivência de uma organização, além de ser um fator decisivo para agregar ou desagregar valor à corporação. Mas você sabe claramente o que é a Comunicação Organizacional?

 

Você verá neste artigo:

1. O que é Comunicação Organizacional?

2. História das Relações Públicas e da Comunicação Organizacional

3. Tipos de Comunicação Organizacional

4. Funções da Comunicação Organizacional

5. Comunicação Organizacional agregando valor à instituição

6. Estratégias de Comunicação Organizacional

7. Desafios da Comunicação Organizacional

 

 

1. O que é Comunicação Organizacional?

Comunicação Organizacional são todos os meios e formas utilizados por uma instituição (empresa ou órgão governamental) para dialogar com os públicos internos e externos. A partir da maneira como a organização se comunica com seus diversos públicos, ela consolida sua imagem no mercado.  

 

Comunicação Organizacional, Comunicação Empresarial e Comunicação Corporativa são terminologias que definem todas formas de comunicação trabalhadas no âmbito das organizações, sejam elas públicas ou privadas.

 

2. História das Relações Públicas e da Comunicação Organizacional:

Rockfeller - Comunicação Organizacional

John D. Rockefeller (1839 – 1937)

O  primeiro escritório de Relações Públicas surgiu nos Estados Unidos em 1906, fundado pelo jornalista Ivy Lee, com o objetivo de  recuperar a credibilidade do empresário John D. Rockefeller. O trabalho desempenhado pelo jornalista obteve tanto sucesso, que não só remodelou a opinião pública sobre Rockefeller, como fez com que as Relações Públicas ganhassem o mundo a partir de 1930.

Na década de 1950, os trabalhos de Relações Públicas e Comunicação Empresarial ganharam destaque no Brasil com a vinda de muitas montadoras de veículos para o país, originando em 1967 a hoje denominada Aberje – Associação Brasileira de Comunicação Empresarial.

 

A partir de 1990, a Comunicação Organizacional desenvolveu-se a tal ponto que se tornou “peça chave” para os negócios. Desde então os investimentos na área não param de crescer assim como sua importância graças ao avanço das mídias digitais.

 

3. Tipos de Comunicação Organizacional

A. Comunicação Institucional:

Área da Comunicação Integrada responsável pela construção da identidade, imagem e divulgação da empresa para os públicos interno e externo;  é totalmente relacionada aos aspectos corporativos e enfatiza ações voltadas para a missão, visão, valores e filosofia da empresa.

Exemplos de atividades da Comunicação Institucional: consolidar a imagem da instituição e zelar por ela; elaborar, desenvolver e promover produtos de comunicação da instituição como jornal interno e externo, blogs e sites; planejar e administrar as ações de comunicação entre as instituições e seus públicos; planejar, organizar e produzir eventos e projetos culturais ou ações de responsabilidade socioambiental.

 

B. Comunicação Interna

É um setor planejado com objetivos definidos para possibilitar toda a interação entre organização e seus colaboradores. A CI busca aprimorar a comunicação entre funcionários de forma a proporcionar um ambiente de trabalho mais positivo alinhado com as metas organizacionais.  Além disso, visa a elevar o engajamento de funcionários.

Um estudo realizado pelo Instituto Gallup relata que apenas 33% dos norte americanos vão para o trabalho com entusiasmo – em todo o mundo, esse número é de só 13%. Somente nos EUA, o custo associado à falta de engajamento dos funcionários é de USD $450 bilhões a $550 bilhões por ano em perda de produtividade (Gallup, 2013).

 

Comunicação Organizacional

 

C. Comunicação Mercadológica:

A Comunicação Mercadológica é fundamental para valorização da marca. Possui ênfase na venda dos produtos da corporação, portanto engloba estratégias de marketing, publicidade, propaganda, eventos corporativos, feiras, exposições, merchandising, workshop, enfim, todos os meios usados para promover a marca, produtos e serviços, conquistando maior visibilidade no mercado e alavancando as vendas.

Se você deseja potencializar a imagem de sua empresa através da mídia, você possui uma aliada: a Comunicação Mercadológica.

 

 

D. Endomarketing:

Endomarketing

Corresponde ao planejamento e execução de ações de marketing institucional voltadas ao público interno, com foco em alinhar os objetivos da empresa com os objetivos

individuais dos funcionários, ou seja, criar uma relação harmoniosa entre os valores e a imagem da empresa e a relação de trabalho.

Embora o Endomarketing seja um conceito relativamente jovem, estudos evidenciam o quão é importante para o promover o engajamento do público interno.

 

E. Comunicação Integrada:

É possível harmonizar todas as áreas da Comunicação Organizacional? A resposta é sim!

A Comunicação Integrada é responsável por esse árduo trabalho. Ela articula diversas subáreas da Comunicação Organizacional para que o trabalho ocorra de forma sinérgica, ou seja, o fluxo de informações, vertical e horizontal, transcorra sem “ruídos” que possam comprometer as relações internas e externas da empresa.

 

4. Funções da Comunicação Organizacional

A Comunicação Organizacional é responsável por gerenciar os relacionamentos com os diversos públicos, fortalecendo positivamente a relação da empresa com seus funcionários, clientes e com o mercado. Dentre suas funções, destacam-se:

  • Promoção do entendimento dos objetivos organizacionais
  • Mobilização e integração do público interno
  • Fortalecimento das relações com stakeholders
  • Facilitar processos de negociação interna e externa
  • Persuasão de públicos de interesse
  • Gerenciar crises e facilitar mudanças internas
  • Otimizar a tomada de decisões
  • Prestar informações à sociedade
  • Dar maior visibilidade à organização no mercado
  • Melhora da relação com a imprensa

Comunicação Organizacional

 

5. Comunicação Organizacional agregando valor à instituição:

A forma como a empresa se relaciona com seu público interno e externo é um dos fatores decisivos para sua colocação no mercado. Uma evidência disso é um estudo realizado pela empresa norte-americana SalesForce com mais de 6.700 empresas de 15 países (incluindo o Brasil) para compreender como pensam e o que desejam os clientes de hoje.

Comunicação Organizacional

O estudo comprova que o relacionamento com o cliente é um fator crucial para a maioria dos consumidores finais e corporativos. 70% dos entrevistados afirmam que a comunicação constante e eficiente entre departamentos/canais de relacionamento são muito importantes para tornar-se ou fidelizar-se cliente de uma empresa.

 

6. Estratégias de Comunicação Organizacional

O planejamento é uma das funções básicas para implementar estratégias de comunicação, pois permite agir com mais cautela e com medidas mais previsíveis e eficazes. Confira esse passo a passo que vai te orientar nas suas estratégias de comunicação:

 

Determinação e identificação dos públicos

Uma empresa com bom planejamento de comunicação, deve primordialmente determinar e identificar seu público para poder planejar estratégias de comunicação apropriadas. Os públicos normalmente dividem-se em três categorias: interno, misto e externo.

 

Relações Públicas

Krunsch, Margarida M. K. Planejamento de Relações Públicas na Comunicação Integrada. São Paulo, Summus Editorial, 4a edição, 2003. P. 84.

 

De acordo com Krunsch “cada organização tem seus públicos específicos e a necessidade de sobrevivência das organizações faz com que alguns públicos sejam mais importantes que outros em determinadas circunstâncias.” O mapeamento dos públicos e a descrição das prioridades em relação a eles possibilitaram um posterior plano de comunicação, que irá ajudar a manter ou elevar o público da organização.

 

Diagnóstico e identificação de problemas

Após o levantamento de dados e obtenção de informações, é possível determinar quais são as áreas em dificuldades, os problemas ou as situações-problema que estão afetando o conceito e o posicionamento da organização frente ao seu público interno e à opinião pública.

 

Um bom diagnóstico deve especificar os resultados desejados e identificar os obstáculos que devem ser sobrepujados para alcançar esses fins. Muitas vezes, pode ser que haja fatos de ordem administrativa ou de outra área, que, indiretamente, são causadores de um conceito negativo que a organização esteja tendo. Neste caso é necessário uma análise mais a fundo a fim de posteriormente propor uma solução.

 

Escolha dos canais de comunicação

Após estabelecer um programa de ação, deve-se fazer a escolha dos veículos mais apropriados para atingir os públicos desejados. Esses veículos podem ser jornal, revista, aplicativo mobile ou tv corporativa.App Mobile

A escolha do meio utilizado varia de acordo com qual público deseja-se atingir. Será que somente a Intranet é suficiente? Utilizar ou não a newsletter? Estes são questionamentos frequentes realizados pelo setor de comunicação. Seja lidando com o público externo ou interno, é imprescindível apostar em ferramentas inovadoras para comunicação.

 

Avaliação de resultados

Comunicação Organizacional Na etapa de avaliação é necessário verificar quais foram os pontos positivos e os negativos do que foi planejado e executado. Essa avaliação crítica é importante, porque permite evitar incorreções semelhantes no futuro e usufruir mais da experiência adquirida. É importante também levantar dados sobre a opinião do público acerca da estratégia empregada através de comentários e interações. O feedback do público atingido também é muito importante. Para isso, existem plataformas de gestão da satisfação de colaboradores, proporcionando agilidade na avaliação de desempenho.

Esta fase vai ajudar a planejar melhor as próximas ações e realizar ajustes para que, cada vez mais, a imagem da empresa esteja em destaque.

 

 

7. Desafios da Comunicação Organizacional

Agora que você já sabe o que é Comunicação Organizacional e tem algumas estratégias para colocar em prática, vamos aos prováveis desafios que você irá enfrentar nessa jornada.

 

A Gatehouse é uma agência especializada em comunicação do Reino Unido que anualmente realiza uma pesquisa relatando a experiência de profissionais de Comunicação Interna sobre diversas questões relacionadas à área.

 

O report de 2019 contou com mais de 820 respostas de comunicadores de mundo todo, desde empresas de pequeno porte a empresas com mais de 50.000 funcionários e multinacionais.

 

O que é Comunicação Organizacional?

 

O que você acha dos resultados? Esses também são os problemas com Comunicação Interna que você enfrenta em sua empresa?

 

Falta de habilidade do líder em comunicar

 

A dificuldade dos líderes em se comunicar, é pela segunda vez consecutiva apontada como um dos maiores desafios da Comunicação Interna pelo report da Gatehouse.

Comunicação Empresarial

Infelizmente muitos membros da alta liderança  observam a Comunicação Organizacional como um problema somente dos colaboradores do setor de comunicação… Engano deles!

 

Todos são responsáveis pelos processos de comunicação da corporação, onde os grandes líderes desempenham um papel de extrema importância. Quando o líder atua prezando pelo diálogo, o ambiente organizacional é fortalecido a superação de desafios e metas é mais provável de ser alcançada.

 

Tecnologias internas não servem para o objetivo

App mobile

Os avanços tecnológicos mudaram as formas de trabalho e as relações sociais, portanto, é hora de evoluir também os canais de comunicação. Utilizar meios de comunicação que não alcançam o objetivo é um grande problema para os profissionais de Comunicação Interna, segundo a pesquisa.

Este desafio está fortemente ligado à outra barreira, a falta de investimentos em Comunicação Interna. Felizmente a tecnologia proporcionou novos canais de comunicação que apresentam muita eficiência nas empresas e feedback positivo dos funcionários, como por exemplo, a tv corporativa.

 

Um canal de comunicação inovador e sintonizado com os avanços tecnológicos é o app mobile.

 

Uma pesquisa com mais de 100 profissionais de Comunicação Interna dos Estados Unidos e Canadá apontou que o uso de um aplicativo mobile para Comunicação Interna é uma tendência. Hoje a maioria dos funcionários possuem celular, o que torna o app mobile acessível.

 

Além disso, ele possibilita a comunicação em tempo real e permite a entrega segmentada de conteúdos. Outros benefícios do aplicativo são as notificações em tempo real e métricas: “será que o funcionário leu o conteúdo publicado?” O aplicativo mobile tem essa resposta! Todos esses benefícios por um custo acessível que irá revolucionar a comunicação entre empresa e funcionários.

 

Confira outras matérias sobre comunicação no âmbito organizacional:app mobile

 

 

 

Aplicativo para Comunicação Interna

PHONECORP APLICATIVO DE COMUNICAÇÃO INTERNA
Share Button